Nota de repúdio à falsificação de documentos
Publicado em 07/06/2019

Coronel Fabriciano/MG | 07 de junho de 2019 

O Centro Universitário do Leste de Minas Gerais (Unileste) tomou conhecimento, pela imprensa, de que na última quinta-feira (6), a Polícia Civil do Rio de Janeiro realizou operação em parceria com o Consulado Americano na capital fluminense, na qual quatro pessoas foram presas, em flagrante, utilizando documentos falsos para tentarem obter visto de entrada nos Estados Unidos. Um dos presos tentou se passar por estudante do Unileste, no entanto, tais documentos foram comprovados como fraudulentos – elaborados e emitidos por pessoas que não têm nenhum vínculo com o Centro Universitário.

O Unileste repudia veementemente tais crimes e atua de forma proativa e preventiva para mitigar falsificações e risco à Instituição, à comunidade acadêmica e à comunidade externa. Por isso, desenvolve ações a fim de dificultar tentativas de fraude, como: rigor e padronização na emissão de documentos e processos, autenticação eletrônica de declarações, expedição centralizada em uma única fonte, dentre outras.

Tranquilizamos e reafirmamos à comunidade acadêmica e externa que os fatos ocorridos, assim como as pessoas envolvidas, não têm nenhuma relação com o Unileste.


Atenciosamente,

Genésio Zeferino da Silva Filho
Reitor


© 2018 UNILESTE - Todos os direitos reservados

Campus Coronel Fabriciano: Av. Tancredo Neves, 3500, B. Universitário, 35170-056 - (31) 3846-5500
Campus Ipatinga: Rua Bárbara Heliodora, 725, Bom Retiro, 35160-215 - (31) 3846-5500